Os técnicos Rui Bento e Emílio Peixe deixaram a estrutura da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e vão desempenhar os cargos de selecionador e selecionador olímpico do Kuwait, respetivamente, anunciou hoje a entidade liderada por Fernando Gomes.

“Rui Bento e Emílio Peixe deixam de fazer parte da FPF e vão integrar as equipas técnicas da federação do Kuwait. Rui Bento vai ser o selecionador principal, enquanto Peixe assume a seleção olímpica e coordena a formação”, lê-se no sítio da internet da federação.

Ambos os treinadores deixaram mensagens de despedida, complementadas pelas palavras de agradecimento de Fernando Gomes.

"É com grande orgulho que recordo todos estes anos em que estive nos quadros da FPF. Foi um percurso longo, produtivo e muito gratificante. Estar ao serviço do futebol português de formação, e contribuir para o crescimento de centenas de jogadores, foi um desafio que me completou a todos os níveis”, lançou Rui Bento.

Por seu turno, Emílio Peixe realçou tudo o que aprendeu durante os 15 anos passados ao serviço da FPF, destacando as “vivências e as relações de grande amizade” criadas.

Já Fernando Gomes assinalou “com grande orgulho o percurso de Emílio Peixe e Rui Bento pelas seleções nacionais”.

“Para além das suas inequívocas capacidades de liderança e de conhecimento técnico, estes dois treinadores nacionais são, indubitavelmente, duas boas pessoas do futebol”, afirmou.

Paralelamente, a FPF anunciou ter reforçado as estruturas técnicas do futebol masculino com a incorporação de dois técnicos, Bino Maçães e Tiago Matos.

Bino Maçães, ex-internacional luso de 49 anos, passa a integrar as equipas técnicas das seleções nacionais.

Natural da Póvoa de Varzim, Bino cumpriu 43 internacionalizações por vários escalões (sub-16, sub-17, sub-18, sub-20, sub-21 e A) enquanto jogador, com grande destaque pela conquista do campeonato da Europa de sub-16 em 1989.

Como treinador, acumulou experiência na formação de FC Porto, Vitória de Guimarães e União de Leiria.

Tiago Matos, treinador de 29 anos, será integrado nos quadros da FPF como assistente.

Natural de Setúbal, o técnico passou por Vitória de Setúbal, Sporting, Cova da Piedade, Sintrense e seleção de Moçambique.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.