A seleção portuguesa de futebol de sub-18 perdeu hoje por 3-2 com a sua congénere da Espanha, em Badajoz, dois dias depois de um empate (1-1) em Campo Maior.

Os pupilos de Rui Bento entraram melhor e, aos 25 minutos, Rafael Pereira marcou, porém, o descanso chegou com uma igualdade, depois da resposta de Javier Cueto, aos 36.

Os lusos adiantaram-se de novo, com o ‘bis' de Rafael Pereira (72 minutos), só que o conjunto Alejandro Rodriguez fez dois golos já perto do fim, aos 87 e 90+2, materializando a reviravolta.

“Defrontámos uma das melhores equipas da Europa, com bons executantes. Dominámos o jogo, a Espanha não teve bola e nem em contra-ataque nos causou muita mossa. Sofremos dois golos em lances infelizes”, lamentou o técnico nacional.

Terça-feira, em Campo Maior, Sérgio Pérez tinha adiantado os espanhóis, aos oito minutos, mas Rodrigo Valente (73) fixou a igualdade final.

“Sabemos que é sempre importante ganhar. Esse é o objetivo quando entramos em campo. No entanto, temos de perceber o que a equipa vale. Tem mostrado personalidade, evidenciou isso novamente aqui em Espanha. Fomos melhores nos dois encontros, mas acabámos por empatar um e perder outro", concluiu Rui Bento.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.