Luís Filipe Vieira deu uma entrevista à RTP 3 onde abordou vários temas da atualidade do Benfica. O presidente do Benfica explicou o que correu mal no negócio Cavani, falou da sua relação com Paulo Gonçalves e acusou Pedro Proença de ter mentido.

Proposta do Benfica por Cavani: "O Benfica fez uma proposta sensata. Quando tudo levava a crer que íamos fechar, recebi uma proposta por escrito a pedir praticamente o dobro do valor falado. Então respondi a dizer que não estávamos interessados. Se houve aproximação, se tivemos interesse? Houve. Se me tenho encontrado com ele cara a cara, se calhar tínhamos assinado contrato".

Pedro Proença continua na Liga: "Pedro Proença disse-me que estava farto da Liga e que ia embora [da presidência do organismo]. Eu saí da [direção da] Liga porque o Proença me mentiu. Não tenho nada contra ele, mas ele não poderia ter enviado aquela carta ao Governo sem a autorização dos clubes."

Relação com Paulo Gonçalves: "Falo com o Paulo quando me apetecer, continuamos amigos. Falarei com ele as vezes que me bem apetecer. Quando ele for julgado pela Justiça, as pessoas vão saber mais. Parece que o Paulo não pode ganhar a vida normalmente. Terá que ir para a esquina pedir esmolas?

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.