A Confederação Brasileira do Futebol informou na última quinta-feira o número mínimo de jogadores que um clube necessita de ter disponíveis no plantel para entrar em campo, na semana em que o Flamengo tem um surto de COVID-19 que colocava em risco a partida do próximo domingo frente ao Palmeiras.

A CBF informou que o número mínimo é de 13 jogadores, com um guarda-redes, um critério semelhante ao utilizado pela UEFA na Europa. Além disso, os responsáveis do futebol brasileiro permitiram ainda o aumento de inscrições de jogadores no Brasileirão passando de 40 para 50.

Flamengo tem 27 casos de COVID-19. Clube pediu adiamento do jogo com Palmeiras mas Verdão e CBF recusaram
Flamengo tem 27 casos de COVID-19. Clube pediu adiamento do jogo com Palmeiras mas Verdão e CBF recusaram
Ver artigo

O critério da CBF é anunciado já depois do pedido do Flamengo para o adiamento da partida com o Palmeiras ter sido negado. O 'rubro-negro' que conta com 27 casos positivos - 16 dos quais jogadores - recorreu da decisão da CBF para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva que deu 24 horas à Confederação para responder.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.