Jorge Jesus tem sido tema de destaque quase diário na imprensa brasileira desde que chegou ao comando técnico do Flamengo.

O técnico trabalha há vários dias do o plantel do emblema carioca, mas muito ao seu estilo deixou um reparo quanto à forma que quer ser tratado no relvado.

O Globoesporte conta que durante um treino um funcionário chamou o treinador de "Jesus", ao qual ele respondeu imediatamente: "Jesus, não! O meu nome é Jorge, mas pode-me chamar de Mister".

Recorde-se que a estreia de Jorge Jesus no Flamengo será no sábado, frente ao Madureira, uma partida de cariz particular.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.