Robinho vai assinar o contrato da sua vida com os chineses do Guangzhou Evergrande. O avançado de 31 anos vai ganhar um milhão de euros por temporada.

De acordo com o site brasileiro UOL, o jogador brasileiro recebeu um prémio de assinatura de 12 milhões de euros e vai assinar um contrato válido para as próximas três temporadas com o clube que tem como treinador Luiz Felipe Scolari.

Modesto Roma Júnior, presidente do Santos, chegou mesmo a chorar na altura do anúncio da saída do internacional canarinho.

"Infelizmente, não temos possibilidade de pagar ao Robinho aquilo que lhe oferecem outros clubes estrangeiros", lamentou.

Recorde-se que Lima e Jonas do Benfica também têm sido também associados ao Guangzhou Evergrande. O clube chinês terá oferecido 20 milhões de euros pela contratação dos dois jogadores.

Veja o vídeo da comunicação do presidente do Santos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.