O jogador, de 36 anos, notabilizou-se na Alemanha ao serviço do Werder Bremen, clube onde jogou de 1998 a 2004.
Em Bremen, Ailton conquistou a "dobradinha" (campeonato e taça) em 2003/2004, época na qual foi eleito o melhor jogador da Liga, a primeira vez que isso aconteceu com um futebolista não alemão.

O jogador brasileiro, sempre com problemas de excesso de peso e de ordem disciplinar, saiu de Bremen em 2004 e rumou ao Schalke 04, onde acabou por não se impor e ser um autêntico fiasco.

Na época seguinte o futebolista ainda se transferiu para os turcos do Besiktas, mas voltaria à Alemanha, ao Hamburgo, por empréstimo, num percurso em que se foram sucedendo, a cada época, novos clubes.

O futebolista ainda esteve no Estrela Vermelha, no Grasshoppers, no Duisburgo, no Metalurg Donetsk, no Altach (Liga austríaca), antes de regressar este ano ao Brasil, ao Campinense (2009) e experimentar também um clube chinês, Chongqing Lifan.

Ailton é, a par do antigo internacional suíço Chapuisat e do também brasileiro Elber, o único estrangeiro que marcou mais de 100 golos na Liga Alemã: 106 em 219 jogos disputados na primeira divisão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.