O futebol moderno tem apresentado muitas novidades ao longo dos últimos anos, desde o vídeoárbitro às mais recentes cinco substituições, mas há quem considere que o futebol precise de se modernizar ainda mais e tirar exemplos de outro tipo de futebol: o americano.

Julian Nagelsmann considera que o futebol pode aprender muito no que a tecnologia diz respeito com a NFL, dando como exemplo as comunicação com os jogadores: o técnico do Bayern quer comunicar com os jogadores diretamente durante o jogo.

"O futebol americano é um desporto coletivo, só aí há um paralelo com o futebol. A NFL é incrivelmente avançada na tecnologia de comunicação com os jogadores. Noutras palavras, o quarterback ouve o treinador em campo [Através de auricular]", disse, em entrevista ao jornal alemão 'TZ'.

Nagelsmann explicou ainda que o ideal, na sua opinião, seria uma via de dois sentidos, entre jogadores e treinador e lamentou o pouco tempo que tem atualmente para discutir questões táticas com os jogadores durante uma partida.

"É algo de que precisamos com toda a certeza no futebol. Idealmente com uma conexão de volta para que o jogador possa falar com o treinador. É extremamente barulhento num estádio, não temos um jogo de para-arranca como no futebol americano. Não há paragem de tempo, só temos o intervalo para discutir questões táticas com os jogadores", notou.

O técnico bávaro considerou mesmo que o futebol tem de deixar de se esconder atrás da tradição para impedir novas tecnologias em campo.

"O futebol americano é muito avançado tecnologicamente, mas também é um desporto com muita tradição. E o futebol ainda se esconde muitas vezes atrás da tradição e isso tem de ser quebrado", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.