O internacional português do Bayern Munique mostrou-se naturalmente orgulhoso com o prémio de Golden Boy 2016, e em declarações ao jornal italiano 'Tuttosport' garantiu que vai continuar com os 'pés bem assentes na terra' mesmo depois de arrecadar o prémio que distingue o melhor jogador sub-21 a atuar na Europa.

"Estou radiante, este prémio tem um valor mundial. Continuo com os pés bem assentes na terra, ainda tenho muito a aprender sobretudo com os companheiros fantásticos com quem trabalho como Vidal, Xabi, Tiago e Kimmich. Dedico este prémio à minha família. A Champions? O Bayern vai vencer, não há dúvida: é a equipa mais forte do planeta", afirmou o jovem médio de 19 anos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.