O Mainz perdeu hoje a possibilidade de regressar à vice-liderança da Liga alemã de futebol, ao perder em casa com a equipa do Schalke 04, por 1-0, em jogo da 16.ª jornada da prova.

Um golo do avançado peruano Farfán deu a surpreendente vitória ao Schalke 04, tendo em conta que a equipa ainda se encontra “afundada” na parte final da classificação e apesar de ter sido primeira no seu grupo da Liga dos Campeões.

A campanha interna do Schalke 04 tem sido desoladora, pese embora as contratações no defeso, com a chegada ao clube de nomes tão sonantes como os dos espanhóis Raul e Jurado e do holandês Huntelaar.

A meio da semana, a equipa tinha vencido no Estádio da Luz o Benfica por 2-1 e garantiu o primeiro lugar do grupo B da Liga dos Campeões.

Hoje, frente ao favorito Mainz, o Schalke marcou o único golo à passagem da meia-hora, por Farfán, e após assistência de Raul, depois de já ter visto Huntelaar falhar uma grande penalidade, aos nove minutos.

No segundo tempo, foi o Mainz a desperdiçar a conversão de um “castigo máximo”, por Schürrle, aos 73 minutos.

A derrota deixou a equipa no quarto lugar da "Bundesliga" com 30 pontos, face às vitórias na ronda de Bayer Leverkusen (segundo com 32 pontos) e do Hannover (terceiro com 31), enquanto o Schalke subiu ao 10.º posto.

No outro jogo do dia, o Friburgo (quinto) venceu o Borussia Moenchengladbach (18.º e último) por 3-0.

Na frente da Liga alemã segue imparável o Borussia Dortmund, que no sábado venceu em casa por 3-0 o Werder Bremen, num jogo em que o português Hugo Almeida não jogou pelos forasteiros, por se encontrar a cumprir castigo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.