O treinador da seleção de Santiago, Felisberto Cardoso “Beto”, considerou, que, não obstante os resultados da primeira-mão das meias-finais do campeonato de futebol Cabo Verde, os finalistas continuam a ser uma incógnita.

Beto fez essa afirmação em declaração à Inforpress, na Cidade da Praia, respondendo a uma solicitação para prognosticar os jogos da segunda mão do nacional de futebol, que acontece este fim-de semana.

De acordo com aquele treinador, os resultados da primeira-mão (Mindelende, 1 x Académica do Fogo, 1 e Académica do Porto Novo 3 x Desportivo, 0) demostram que o domínio Santiago e São Vicente estão a acabar, dando como o exemplo, a equipa da Académica de Porto Novo (Santo Antão) que tem sido presença marcante nas meias-finais no campeonato de Cabo Verde nos últimos três anos.

«Isto é bom para futebol nacional, não só em termos de mentalidade mas também demostra que as equipas estão a trabalhar de uma forma mais equilibrada», anotou Beto, para quem, a competência dos treinadores nacionais tem que ser levado em consideração.

Adiantou, contudo, que o Desportivo da Praia, que perdeu 3-0 com a Académica de Porto Novo no jogo da primeira mão, tem uma «missão muito complicada» e que, em relação ao encontro entre a Académica do Fogo e Mindelense «está tudo em aberto».

Beto é um dos mais galardoados treinadores do futebol cabo-verdiano, tendo ganhado cinco campeonatos de Cabo Verde consecutivos comandando a equipa do Sporting da Praia.

A equipa leonina da capital cabo-verdiana nesta presente edição do Campeonato de Cabo Verde não passou da primeira fase, depois de marcar presença consecutiva em oito finais na competição.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.