O Zamalek, equipa treinada pelo português Jaime Pacheco, foi hoje sorteada do Grupo D da Liga dos Campeões Africanos de futebol, juntamente com o Esperança de Tunis, da Tunísia, o Alger, da Argélia, e o Teungueth, do Senegal.

Finalista vencido da última edição da ‘Champions’ africana, a formação de Jaime Pacheco vai ter pela frente o campeão tunisino, enquanto o Alger foi terceiro classificado do último campeonato do seu país.

O Teungueth é uma das equipas ‘surpresa’ da prova, já que eliminou na ronda preliminar o ‘super favorito’ Raja Casablanca, campeão marroquino, com um triunfo por 3-1 nas grandes penalidades, depois do nulo nos dois jogos.

Na estreia, o Zamalek recebe no Egito o Alger, em data ainda a designar, e de seguida defronta o Teungueth, em solo senegalês.

Os egípcios do Al Ahly, detentor do título, foram colocados no Grupo A juntamente com o AS Vita (RD Congo), o Simba (Tanzânia) e Al Merreikh (Sudão), enquanto o Petro de Luanda, representante angolano, terá a companhia do Wydad (Marrocos), Horoya (Guiné-Conacri) e do Kaiser Chiefs (África do Sul), no Grupo C.

O Petro de Luanda e o 1.º de Agosto foram indicados para representar Angola na Liga dos Campeões Africanos, uma vez que o campeonato foi cancelado devido à pandemia de covid-19. O 1.º de Agosto foi eliminado pelos sul-africanos do Kaizer Chiefs e não chegou à fase de grupos.

No Grupo B ficaram Mazembe (RD Congo), Sundowns (África do Sul), Al-Hilal (Sudão) e Belouizdad (Argélia).

Os dois primeiros classificados de cada grupo seguem para os quartos de final.

O sorteio decorreu no Cairo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.