A Coreia do Sul, ao vencer a Espanha por 2-1 e assegurar o segundo lugar do Grupo E, e a Suécia, como a quarta melhor terceira, conquistaram quarta-feira os últimos lugares nos ‘oitavos’ do Mundial feminino de futebol.

As sul-coreanas estiveram a perder com a estreante Espanha, devido a um golo de Veronica Boquete, que dava o apuramento às europeias, aos 29 minutos, mas deram a volta, com tentos de Cho Sohyun, aos 53, e Kim Sooyun, aos 78.

Desta forma, fecharam o Grupo E no segundo posto, com quatro pontos, também com a ajuda do já apurado Brasil, que bateu a Costa Rica por 1-0, com um golo de Raquel Fernandes, aos 83 minutos, e relegou as costa-riquenhas para o terceiro posto.

Com apenas dois pontos, mais um do que a Espanha, a Costa Rica foi um dos piores terceiros, juntamente com a Tailândia (três pontos e 3-10 em golos), o que qualificou a Suécia, terceira do Grupo D (três pontos e 4-4 em golos).

As brasileiras, que não atuaram na máxima força, abdicando, entre outras de Marta, terminaram com o pleno de triunfos, tal como o campeão em título Japão.

A última ronda da fase de grupos também qualificou a França e a Inglaterra, que conquistaram os dois primeiros lugares do Grupo F, ao baterem o México (5-0) e a já apurada Colômbia (2-1), respetivamente.

Marie Laure Delie (01 minutos), Jennifer Ruiz (09, na própria baliza), Eugenie Le Sommer (13 e 36) e Amandine Henry (80) selaram a goleada das gaulesas, enquanto Karen Carney (15) e Fara Williams (38, de penálti) selaram o triunfo das inglesas, que Lady Andrade (90+4) já não pôs em perigo.

Nos oitavos de final, que se realizam de sábado a terça-feira, já estavam igualmente Canadá, China, Holanda, Alemanha, Noruega, Camarões, Suíça, Estados Unidos e Austrália.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.