No final de cada temporada futebolística, como é hábito no clube avense, têm lugar as eleições dos corpos sociais para a época seguinte (2012/13), sendo esse o principal ponto da ordem de trabalhos da AG, estando depois reservada «meia hora para falar de outros assuntos de interesse».

Contudo, à Agência Lusa, o presidente do Desportivo das Aves, Armando Silva, disse que, «para já», não assumirá qualquer compromisso.

A ocasião será aproveitada para fazer uma retrospetiva do que foi a temporada, em que a equipa lutou até à última jornada pela subida de divisão, e apelar a um maior envolvimento das forças vivas da vila e do concelho.

«Para termos uma equipa competitiva como este ano, apesar de ter havido um desinvestimento em termos de orçamento, são necessários mais apoios porque a gestão do clube é cada vez mais difícil», avisou o dirigente, que não espera que o futuro do clube fique resolvido na sexta-feira, prevendo a realização de, pelo menos, mais uma AG.

A reunião magna dos sócios avenses está marcada para as 20h00 - mas só deverá começar uma hora mais tarde -, na sala das conferências de imprensa do estádio do clube. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.