Em encontro da 18.ª ronda, o golo solitário de João Silva (60 minutos), permitiu aos locais quebrar um jejum de triunfos em casa que já perdurava desde a 11.ª jornada, a 29 de Novembro, tendo, depois disso, somado duas derrotas e um empate no seu estádio.

Já o Trofense, depois de duas vitórias consecutivas, marcou passo e deixou uma pálida imagem de um candidato assumido à subida de divisão.Nota para as estreias de Nelson Pedroso e Amaury Bischoff, no Desportivo das Aves, e de Licá, no Trofense, os dois últimos jogadores emprestados pela Académica.
Foi uma partida muito disputada como o comprova o elevado número de cartões mostrados pelo árbitro (11 amarelos e um vermelho), mas com poucas situações de golo.

O primeiro lance mais perigoso pertenceu à equipa da casa, aos 19 minutos, quando Luisinho entrou bem na área pela direita, mas Pedro Ribeiro cortou no limite.

Aos 24 minutos surgiu a melhor ocasião do Aves para marcar na primeira parte: Vinícius, de zona frontal, rematou com força, mas Riça defendeu bem.
O Trofense tinha um aparente domínio do jogo, mas não criva situações de golo e foi novamente o Desportivo das Aves a estar mais perto de inaugurar o marcador: Pedro Pereira entrou pelo lado esquerdo na área, mas o remate embateu nas malhas laterais (45+2 minutos).

A segunda parte começou com a expulsão, por segundo cartão amarelo (algo forçado) de Amaury Bischoff (48 minutos), o que permitiu ao Trofense instalar-se no meio campo avense, mas sem consequências.

O Aves não se desorganizou e chegaria mesmo ao golo aos 60 minutos: centro precioso de Vinícius, João Silva ganhou a Cláudio nas alturas e fez um chapéu, de cabeça, a Riça.

Os últimos minutos foram emocionantes: Reguila (90) falhou o empate de forma incrível, à boca da baliza, Vinícius (90+1) ficou a centímetros do segundo dos locais, após excelente iniciativa individual, e Filipe Gonçalves errou por muito pouco o remate (90+4) e o golo redentor dos trofenses.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.