Estes números, a que a agência Lusa teve acesso, foram publicados no "Estudo demográfico dos futebolistas na Europa", elaborado pelo Observatório dos Jogadores Profissionais de Futebol (OJPF).

Contrapondo aos 412 jogadores (276 na III Divisão e 136 na II) que tinham 19 anos em Setembro, são apenas oito, quatro em cada um dos escalões, aqueles que chegaram aos 40.

Na II Divisão, os portugueses fazem o pleno neste exemplo de longevidade, mas no terceiro escalão, além dos dois lusos, há um cabo-verdiano e um brasileiro que já entraram naquela casa.

É também neste escalão que mais se aposta na experiência, atestada pela média de idades de 25,2 anos, entre os 1078 jogadores, dos quais 225 são "trintões".

Na III Divisão, com 2119 inscritos, a média é ligeiramente inferior (25), mas a proporção de jogadores entre os 30 e 39 anos é idêntica, cerca de 19,3 por cento (411).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.