Arouca vive dias de euforia com o cenário de promoção do clube da vila à I Liga portuguesa de futebol, bastando para isso empatar domingo na receção ao União da Madeira, na 41.ª e penúltima jornada do segundo escalão.

A frase que agora anda colada no autocarro do clube resume o motivo: «Eu acredito! Todos acreditam que o Arouca vai conseguir, no domingo, frente ao União da Madeira, conquistar o ponto que precisa para garantir a subida à 1.ª Liga».

«Estou convencido que sim, só se correr muito mal o jogo. A vitória era o ideal, mas estou convencido que o ponto vem de certeza», diz Afonso Sousa, adepto assíduo, tanto aos jogos, como aos treinos da equipa.

Outro adepto do Arouca, João Vieira, alinha pela mesma crença sobre a subida de divisão:

«É um marco que fica para a história e que vai prolongar-se por centenas de anos.»

Da satisfação pela época, que ainda não terminou, à projeção do próximo campeonato, vão apenas meia dúzia de palavras.

«A próxima época vai ser difícil, os que estão em grandes cidades vêm-se ‘à rasca’», adivinha João Vieira.

Por seu lado, Adriano Dias sugere bilhetes mais caros para ajudar financeiramente o clube:

«Se estivesse na direção, se calhar vendia os bilhetes a 20 euros. A direção tem de ir buscar dinheiro a algum lado. Quem for arouquense não se importa de dar 8 ou 10 euros.»

Na época 2007/08 o Arouca foi campeão da III Divisão, série C, e desde aí adquiriu protagonismo no futebol nacional, um trabalho cujo mérito todos atribuem ao presidente Carlos Pinho e à sua direção.

«A direção e o presidente estão de parabéns», louva Afonso Sousa.

Quem também está satisfeito com o feito histórico que o clube está prestes a alcançar é o presidente da Câmara Municipal, Arttur Neves.

«Em Arouca mostra-se que quando traçamos objetivos, conseguimos alcançá-los. Queremos mostrar aos nossos governantes que somos capazes de atingir os nossos objetivos e sem prejuízos económicos», destaca Artur Neves.

O autarca espera que o feito e visibilidade do Arouca ajudem a conseguir a construção da variante, uma estrada há muito ambicionada pelo concelho e até prometida por vários governantes.

Artur Neves anunciou que o projeto para as adaptações do estádio ficou pronto hoje e será, a partir de agora, dado a conhecer:

«Esperamos avançar rapidamente com as obras para que o primeiro jogo do Arouca na I Liga seja no Municipal de Arouca.»

«É bem aplicado. Fica uma obra feita», sentencia João Vieira, que considera que o dinheiro do município é bem investido no clube e no desporto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.