O Peru qualificou-se hoje para as meias-finais da Copa América de futebol, ao eliminar o Uruguai nas grandes penalidades (5-4), depois de um ‘nulo’ num encontro com três golos anulados aos uruguaios.

Em São Salvador da Bahia, a seleção comandada por Oscar Tabarez, que voltou a deixar o defesa central do Sporting Sebastian Coates entre os suplentes, foi superior no número de oportunidades de golo, mas não conseguiu desfazer o 0-0 no tempo regulamentar.

De Arrascaeta, aos 29, Edinson Cavani, aos 59, e Luiz Suarez, aos 74, ainda introduziram a bola na baliza peruana, mas estes lances foram invalidados pelo videoárbitro, que confirmou que os jogadores estavam em posição irregular.

Foi então preciso recorrer ao desempate através de grandes penalidades, em que o Peru, com o antigo jogador de Sporting e Benfica André Carrilo no ‘onze’, acabou por ter mais sorte e revelar maior eficácia, cobrando os cinco pontapés da marca dos onze metros.

O guarda-redes peruano Pedro Gallese acabou por ser o herói da partida, ao defender a primeira grande penalidade do desempate, cobrada por Luiz Suarez.

O Peru vai disputar uma vaga na final da Copa América frente ao Chile, campeão em título, na quarta-feira, às 21:30 locais (01:30 de dia 04 de julho, em Lisboa), um dia depois de Brasil e Argentina se defrontarem na outra meia-final.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.