A Juventus empatou esta segunda-feira, por 0-0, frente ao AC Milan, na segunda mão da meia-final da Taça de Itália. Mesmo sem golos, a equipa de Cristiano Ronaldo segue para a final da prova, devido ao golo marcado em San Siro.

Apesar de ter mostrado um claro domínio logo na primeira parte, a Juventus não conseguiu chegar ao golo antes do intervalo, apesar de o AC Milan ter ficado a jogar com dez jogadores aos 17 minutos devido à expulsão de Rebic por uma entrada dura sobre Danilo.

Ainda antes da saída de Rebic, a 'Vecchia Signora' teve oportunidade de inaugurar o marcador através da marca dos 11 metros depois de Conti tocar com o braço na bola na sequência de um pontapé de canto, mas Cristiano Ronaldo falhou o penálti e a bola bateu com estrondo no poste da baliza de Donnarumma.

A jogar com mais um, a Juventus foi aumentando ainda mais a pressão, mas, apesar das várias oportunidades, a equipa de Turim não conseguiu concretizar. Ao cabo dos 90 minutos nem Juventus nem AC Milan foram capazes de fazer tremer as redes, mas a 'Vecchia Signora' acabou por seguir para a final graças ao golo de Ronaldo na primeira mão.

De notar que, na primeira mão, em Milão, a 13 de fevereiro, tinha-se registado uma igualdade a um golo, com Rebic a abrir o ativo para os 'rossoneri' antes de Ronaldo empatar, de penálti, já no período de descontos.

Para sábado está marcado o outro jogo da segunda mão das meias-finais, que oporá o Nápoles ao Inter (1-0 na primeira mão).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.