O regresso do futebol em Itália após o interregno ditado pela COVID-19 não está a a ser nada fácil para Cristiano Ronaldo. Dois jogos, zero golos marcados, um penálti falhado e uma final perdida.

Depois da derrota da Juventus na final da Taça de Itália frente ao Nápoles choveram críticas à atuação do astro português, que já na meia-final, ante o Inter, tinha ficado aquém das expectativas, desperdiçando mesmo uma grande penalidade.

A imprensa italiana não perdoou a atuação cinzenta de CR7 e a 'Gazzetta dello Sport considera mesmo que ele "foi o pior da final", apontando também o dedo ao facto de Ronaldo não ter chegado a bater o seu penálti no desempate por grandes penalidades (seria o quinto elemento do conjunto de Turim a rematar). "Reclama privilégios de avançado centro, incluindo o direito inabalável de rematar sempre que tem a bola, mas não se dá conta de que já não está no Real Madrid. Nem de que Dybala não é Benzema (nem sequer Higuaín). Nos penáltis, teria mesmo que ficar para último para celebrar?", aponta e questiona aquela publicação.

Já o 'Tuttosport' fala numa noite para esquecer de Ronaldo. "Foi certamente uma noite para esquecer para Cristiano Ronaldo. O avançado português estabeleceu um recorde diferente de todos os outros que conquistou na carreira e, acima de tudo, negativo, porque pela primeira vez perdeu duas finais consecutivas a nível de clubes". O 'Corriere dello Sport' também deu nota desse registo negativo do português. "Apesar de tudo, Cristiano Ronaldo alcançou outro recorde. Perdeu duas finais consecutivas em termos de clubes, algo que nunca havia ocorrido na sua longa e bem-sucedida carreira", lembra.

Quem também não foi meigo para com Ronaldo foi Luca Toni, antigo avançado italiano. "Esta derrota também leva a assinatura de Cristiano Ronaldo. Ele está em dificuldades físicas e não consegue sequer driblar um adversário", sublinhou declarações à estação de televisão Rai Uno.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.