Nuno Ramos demitiu-se do cargo de diretor desportivo do Cucujães, anunciou o clube do distrito de Aveiro através das redes sociais.

O dirigente ficou conhecido depois de ter promovido a "contratação" de André Carrillo por parte do Cucujães, após Bruno de Carvalho ter dito que o jogador peruano podia ir a custo zero "para o Cucujães ou até para o Mérida".

Ao aproveitar a situação com humor, Nuno Ramos conseguiu desta forma arranjar patrocínios para o clube, além de ter sido convidado por Bruno de Carvalho para assistir a um jogo no estádio José Alvalade.

De acordo com o Correio da Manhã, Nuno Ramos deixou o cargo por motivos pessoais.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.