O registo de Portugal nos anteriores embates com a França não tem sido favorável aos lusos. No entanto, Daúto Faquirá diz que Fernando Santos “vai tentar mexer com o lado emocional” dos jogadores para que a seleção possa fazer história na final de Paris.

O treinador de futebol e que tem analisado este Euro2016 para o SAPO Desporto diz que os gauleses não se têm exibido da melhor forma e que Portugal poderá aproveitar esse facto.

"A França não tem estado bem em termos exibicionais e tem-se dado mal em jogos em que teve de assumir o estatuto de favorita. Fernando Santos vai tentar mexer com o lado emocional do jogo e vai tentar não conceder espaços" aos franceses.

Com o risco de uma eventual arbitragem “caseira” na final contra Portugal, Daúto Faquirá diz que, se Portugal anular as armas gaulesas, fica mais perto do título.

“No jogo com a Alemanha parece-me que houve um lance duvidoso sobre o Kroos. Tem havido a tendência para beneficiar a França, mas Portugal também tem tido uma estrelinha, agora é conseguir anular as armas da Franca. O grupo está muito forte tudo é possível. Podemos fazer à França o mesmo que a Grécia nos fez”, completou.

A final do Euro2016, entre a França e Portugal, está agendado para às 20h00 deste domingo, em Paris.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.