No último sábado, o mundo do futebol parou quando Christian Eriksen caiu inanimado no relvado durante a primeira parte do encontro entre Dinamarca e Finlândia. Valeu ao jogador dinamarquês a ação de Morten Boesen, médico da seleção.

Saiba tudo sobre o Euro2020: fotos, vídeos, infografias, notícias e reportagens.

"Quando chegámos ele estava de lado, a respirar e sentíamos o pulso. Mas de repente tudo mudou e tivemos de o reanimar. Estava inconsciente. A ajuda da equipa médica e da restante equipa foi rápida. Fizemos o que tínhamos de fazer e conseguimos trazê-lo de volta", disse, na altura.

Dias depois, o portal The Athletic conta a história do médico que salvou a vida a Eriksen. Morten Boesen é médico no Copenhaga desde 2004, na área de tratamento e cirurgia. Há dois anos juntou a essa função, o trabalho para a federação dinamarquesa de futebol. E foi assim que o seu caminho se cruzou com o de Eriksen naquela tarde de sábado.

No entanto, o Morten Boesen não estava sozinho. O médico contou com a ajuda do irmão, Anders Boesen, que trabalha na formação do Copenhaga. Anders foi destacado pela UEFA para entrar em ação em caso de emergência e assim o fez.

Lado a lado, os irmãos Boesen trouxeram Eriksen de volta à vida. Curiosamente os dois irmãos têm uma antiga ligação ao desporto. Ambos foram jogadores de badminton de elite e Anders chegou a ser o nº3 do ranking mundial da modalidade.

Além dos irmãos Boesen, Eriksen teve ainda a sorte de estar perante um sistema organizado que contava com uma ambulância no estádio, bem como os equipamentos de suporte básico de vida e o desfibrilhador.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.