Aí está mais uma candidata: a Bélgica dominou e venceu o seu primeiro jogo neste Euro2020, batendo a Rússia por 3-0, com golos de Lukaku (2) e Meunier.

A Bélgica mostrou-se superior do primeiro ao último minuto e colocou-se em vantagem à passagem do décimo minuto em São Petersburgo.

Cruzamento de Mertens, com Semerov, defesa russo, a falhar incrivelmente o corte. Lukaku 'disse' obrigado e rematou para o fundo da baliza da Rússia aos 10 minutos.

De registar o bonito gesto do avançado, colega de equipa de Eriksen no Inter de Milão. Lukaku virou-se para as câmaras e dedicou o golo ao dinamarquês dizendo: "Chris, sê forte! Eu adoro-te!".

Aos 25 minutos, um choque de cabeças entre Castagne e Kuzyaev obrigou os dois jogadores a serem substituídos. Na Bélgica entrou Meunier, na Rússia foi Cheryshev.

O belga tinha acabado de entrar quando assinou o segundo golo da partida. Thorgan Hazard cruzou, Shunin faz-se à bola, mas defende para a frente, onde estava Meunier que só teve de encostar aos 34 minutos.

No segundo tempo, a Bélgica desacelerou, mas foi sempre superior à Rússia, tendo acabado por chegar ao terceiro aos 88 minutos.

Lukaku, após assistência de Meunier, atirou para o fundo da baliza defendida por Shurin, fechando o resultado.

Com este resultado, a Bélgica sobe à liderança do grupo B, com os mesmos pontos que a Finlândia, mas com vantagem nos golos marcados. Dinamarca e Rússia seguem com zero pontos.

Acompanhe as notícias e reportagens do Euro 2020 no Especial do SAPO Desporto

*Artigo atualizado às 23h31

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.