Surpresa e vergonha são algumas das palavras utilizadas pela imprensa desportiva estrangeira para classificar a derrota, por 1-0, de Portugal frente à Albânia no primeiro jogo de apuramento para o Europeu de futebol de 2016.

O jornal espanhol AS fala em “Vergonhosa derrota de Portugal frente à Albânia”, considerando que, no primeiro jogo do Grupo I, a equipa orientada por Paulo Bento protagonizou “uma das suas piores exibições”.

O também espanhol El País refere que Portugal protagonizou “Outro fiasco” e entende que “a impotência demonstrada pela seleção de Paulo Bento no Mundial do Brasil voltou a repetir-se no primeiro jogo de qualificação para o Euro2016”.

Com o título “Portugal começa muito mal” o diário desportivo francês L’Equipe fala em surpresa total em Aveiro “onde Portugal perdeu pela primeira vez com a Albânia” e considera que “a caminhada lusitana para o Euro começou muito mal”.

Na Dinamarca, o Sporten entende que “Houve uma grande surpresa” no Grupo I “quando os favoritos portugueses perderam 0-1 em casa com a Albânia”.

Os dinamarqueses são os próximos adversários de Portugal no Grupo I, depois de domingo terem vencido a Arménia por 2-1, num encontro em que estiveram a perder por 1-0.

Na Albânia, o sítio de informação desportiva Sport.albeu dá, naturalmente, grande destaque à prestação da seleção orientada pelo italiano Giovanni de Biasi, dedicando uma foto galeria ao encontro de domingo.

Logo após o jogo, o Sport.albeu falou com Bekim Balay, que num curto vídeo dedica o golo apontado aos 52 minutos “à família e a todos os albaneses”.

O sítio desportivo, que lembra a ausência do lesionado Cristiano Ronaldo, publica também declarações do presidente da federação albanesa, Armando Duka, que se mostra “muito animado com a vitória histórica”.

Armando Duka considera que “Portugal jogou melhor, mas não conseguiu a vitória” e acrescenta “agora temos os pés no chão e vamos pensar num jogo de cada vez, mas temos o direito de estarmos felizes”.

Em Itália, a Gazzetta dello Sport fala de um magnífico golo de Balaj na vitória albanesa e de um "Clamoroso ‘flop’ de Portugal" que, apesar de não ter Cristiano Ronaldo, alinhou "com a maioria dos titulares que jogaram o Mundial do Brasil".

No Brasil, a Gazeta Esportiva escreve que a “a ausência do melhor do mundo se refletiu no placar”, enquanto o Lancenet considera que a seleção “dececionou logo no primeiro jogo” e lembra os lenços brancos mostrados a Paulo Bento.

Na Argentina, o jornal Ole indica que “sem Cristiano Ronaldo, Portugal caiu de forma surpreendente frente à Albânia, que consegui o seu quinto triunfo como visitante em toda a sua história”.

Portugal, que ocupa a última posição do grupo, visita a 14 de outubro a Dinamarca, no mesmo dia em que a Sérvia – que ainda não se estreou – recebe a Albânia.

Confirme os principais títulos da imprensa desportiva internacional

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.