É tempo de intervalo em Aveiro e mantém-se o nulo inicial no confronto entre Portugal e Albânia, a contar para a qualificação para o Europeu de 2016.

O primeiro tempo foi rico em problemas de ordem física, com ambas as equipas médicas a serem chamadas a intervir com frequência. Do lado português, Fábio Coentrão e João Moutinho foram assistidos mas mantiveram-se em campo.

Portugal tem controlado a posse de bola com a naturalidade exigida, mas continua a falhar no momento da concretização. Ricardo Costa, num ressalto infeliz (5'), Nani num remate de fora da área que ressaltou num defesa albanês (42') e um cabeceamento de Pepe (45+1') constituíram as principais ameaças até ao momento do lado luso.

Já a seleção albanesa joga na expetativa, a apostar em transições rápidas, e conseguiu ameaçar aos 45 minutos de jogo, através de Odise Roshi.

Acompanhe o segundo tempo ao minuto no SAPO Desporto

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.