Portugal, já apurado para o Euro2024 de futebol, joga segunda-feira na Bósnia-Herzegovina com o objetivo de assegurar a conquista do Grupo J, com o empate a ser suficiente, e de continuar a sonhar com uma qualificação totalmente vitoriosa.

Perante um adversário que ainda procura a sua primeira presença num Campeonato da Europa, a seleção lusa joga em Zenica, a 70 quilómetros de Sarajevo, com a qualificação confirmada, após o triunfo de sexta-feira por 3-2 sobre a Eslováquia, no Porto, num encontro da oitava jornada em que são esperadas várias alterações do lado do selecionador Roberto Martínez.

Após um jogo intenso no Dragão, com muita chuva à mistura, Portugal volta a ter teste bem difícil no ‘velhinho’ Estádio Bilino Polje, um recinto que causou muitas dificuldades para o lado luso nas duas vezes que lá foi parar no passado, em 2009 e 2011, sempre com um ambiente bem hostil vindo das bancadas.

Isso não deverá impedir Roberto Martínez de fazer uma revolução no ‘onze’ inicial, com Bruno Fernandes, Cristiano Ronaldo, que fizeram os 90 minutos perante os eslovacos, a poderem ter o ‘direito’ a algum descanso no banco de suplentes, assim como os laterais João Cancelo e Diogo Dalot, igualmente totalistas.

Por essa razão, figuras como Gonçalo Inácio, Nélson Semedo, Pedro Neto, Danilo, Rúben Neves e Vitinha poderão ser lançados, acontecendo o mesmo com Diogo Jota e João Félix na frente de ataque.

O técnico espanhol poderá até surpreender tudo e todos e operar a estreia absoluta de João Neves no meio campo português ou de Toti Gomes, que ficou de fora da ficha de jogo com a Eslováquia, na defensiva lusa.

Certo é que Martínez terá o total interesse em somar novo triunfo e alcançar um registo inédito de oito vitórias seguidas em jogos oficiais da seleção nacional, superando o recorde de sete de Fernando Santos, registado no caminho para o Euro2016.

Após sete rondas, a equipa lusa continua totalmente vitoriosa e lidera o Grupo J com 21 pontos, mais oito do que a Eslováquia, segunda classificada. O Luxemburgo é terceiro, com 11, seguido de Bósnia, com nove, e Islândia, com sete. O Liechtenstein continua sem pontos.

Os dois primeiros lugares do agrupamento dão acesso direto à fase final do Euro2024, que vai decorrer na Alemanha.

O Bósnia-Portugal, da oitava jornada do Grupo J de apuramento o Euro2024, está agendado para as 19:45 (20:45 horas locais) e terá arbitragem do turco Halil Umut Meler.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.