O selecionador nacional de futebol de sub-17, Emílio Peixe, assegurou hoje que Portugal vai lutar domingo com a Inglaterra "até ao último segundo" pela presença na final do Europeu2014, a decorrer em Malta, e "sem medo de ganhar".

“Estamos muito satisfeitos com o nosso percurso até aqui. Em nove jogos [qualificação e fase final], conseguimos nove vitórias, sofrendo apenas um golo, e o balanço, independentemente do que venha a seguir, é positivo”, disse Emílio Peixe.

Em declarações ao sítio da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), o selecionador acrescentou que o grupo está unido e confiante. “Queremos muito estar na final e vamos lutar por isso”.

“Toda a equipa trabalha quando não tem bola no sentido de se equilibrar e de se organizar, tentando não dar oportunidade ao adversário de fazer golo. Há mérito de todos e estamos obviamente satisfeitos com isso”, explica o selecionador.

Um dos elementos da “geração de ouro” de Carlos Queiroz, que conquistou o título Mundial de sub-20 em 1991, realizado em Portugal, Emílio Peixe não fugiu a comparações quando questionado até onde pode chegar este grupo.

“Todas as gerações querem escrever a sua história e deixar a sua marca. Obviamente, sentimos que esta geração tem vindo a crescer de forma consolidada e tem demonstrado essa mesma qualidade ao longo deste tempo”, defende Emílio Peixe.

O selecionador acredita que este grupo pode deixar a sua marca, se não for no imediato a muito curto prazo, até porque, recordou, esta geração é um projeto sub-20 para o Mundial.

“Daí a nossa satisfação quando vemos que esta equipa está a crescer a todos os níveis e está confiante. Quer muito ganhar. Mas, sobretudo, esta equipa não tem medo de ganhar e vamos lutar até ao último pingo de suor pela vitória”, explicou.

Emílio Peixe recordou, no entanto, que “o futebol tem a sua dinâmica e que do outro lado vai estar a Inglaterra, que é uma equipa muito forte, com muita qualidade, e com muitos jogadores a atuar num contexto competitivo acima do seu escalão”.

“Sabemos isso tudo, mas confiamos naquilo que é a nossa identidade de jogo e na nossa ambição e vamos lutar até ao último segundo para tentar sermos felizes”, acrescentou.

O Portugal-Inglaterra, relativo às meias-finais do Campeonato da Europa de Malta, vai ter lugar pelas 16:45 de domingo, no Estádio Nacional, em Ta'Qali.

A outra meia-final será disputada entre a Holanda e a Escócia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.