O selecionador português de futebol de sub-19 manifestou hoje a intenção de contrariar o jogo “rigoroso e eficaz” da Espanha, adversária na segunda jornada no Campeonato da Europa da categoria, na quarta-feira.

Filipe Ramos admitiu também que a postura em campo vai ser diferente daquela apresentada na vitória frente à Itália, por 3-0 na estreia.

“[Vamos] tentar tirar a bola à Espanha, para que posamos estar confortáveis e que o jogo deles seja menos rigoroso e menos eficaz, é o nosso objetivo”, disse o treinador nacional, em declarações à Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Contudo, o técnico reconheceu que, em certos momentos do jogo, a estratégia lusa se vai alterar: “Temos de estar organizados, pacientes e no momento certo podemos sair com perigo. Vamos alternar a nossa maneira estar no campo”.

Desafiado a fazer comparações entre a Itália e a Espanha, sete vezes campeã no escalão, Filipe Ramos apontou as diferenças, reforçando a ideia de que Portugal vai ter de fazer adaptações.

“Não mudou nada [na preparação]. Vimos a Espanha como vimos a Itália. Agora, sabemos que a Espanha joga de maneira diferente, gosta muito de ter a bola, tem paciência no jogo, não acelera sempre o jogo como a Itália tenta fazer, tem qualidade na posse e vamos tentar contrariar, sendo nós mesmos, com a nossa maneira de jogar e com uma ou outra adaptação”, explicou.

Portugal defronta a Espanha, que venceu por 4-1 a anfitriã Arménia no primeiro jogo, na quarta-feira, a partir das 15h45 (hora de Lisboa), em Erevan, na segunda ronda do Grupo A.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.