Rui Jorge afirmou que Renato Sanches está consciente que a realidade atual dele é a equipa que vai disputar o Europeu da categoria, para o qual foi convocado.

O treinador da seleção portuguesa de futebol de sub-21 falou da chamada do médio do Bayern Munique mas também de outros jogadores que já estiveram na Seleção A.

"O Cancelo, o Rúben Neves, o Ricardo Horta também já estiveram todos na seleção principal. A vivência de seleção A é sempre importante mas eles sabem que a sua vida é o presente. Para terem um bom futuro têm de cuidar do presente", referiu.

Rui Jorge considerou, por outro lado, que o título europeu conquistado pela seleção A no ano passado, em França, é um exemplo para os sub-21, que vão procurar "fazer algo de impactante" na Polónia.

"Estou confiante, como em 2015, de que vamos continuar dar nossa imagem que temos dado até aqui. Esse sempre foi o nosso propósito, dar uma boa imagem do jogador português e da nossa organização. Os jogadores sub-21 tentarão lutar para tentarem fazer algo de impactante", adiantou.

Contudo, o antigo internacional luso relativizou um possível favoritismo do conjunto luso, que vai enfrentar Espanha, Sérvia e Macedónia no grupo B.

"Quando fazemos esse tipo de apreciação, temos de conhecer os adversários. A Macedónia não perde há vários jogos e a Espanha deixou de fora um jogador como o Óliver Torres, que todos conhecemos. Temos jogadores de grande qualidade. A realidade com a qual me deparo é absolutamente fantástica, não escondo, mas veja-se o que há do outro lado. Assumir-me ou não como favorito não me interessa muito", vincou.

O Europeu de futebol em Sub-21 disputa-se na Polónia, entre 16 e 30 de junho. Portugal arranca a participação no Euro2017 diante da Sérvia, no dia 17 de junho, seguindo-se os embates com Espanha, a 20, e Macedónia, a 23.

Lista de 25 convocados:

- Guarda-redes: Bruno Varela (Vitória de Setúbal), Miguel Silva (Vitória de Guimarães) e Joel Pereira (Manchester United, Ing).

- Defesas: Edgar Ié (Belenenses), Fernando Fonseca (FC Porto), João Cancelo (Valência, Esp), Kevin Rodrigues (Real Sociedad, Esp), Pedro Rebocho (Moreirense), Rúben Semedo (Sporting) e Tobias Figueiredo (Nacional).

- Médios: Bruno Fernandes (Sampdoria, Ita), Francisco Ramos (FC Porto), Francisco Geraldes (Sporting), João Carvalho (Vitória de Setúbal), Rony Lopes (Lille, Fra), Renato Sanches (Bayern de Munique, Ale), Rúben Neves (FC Porto) e Tomás Podstawski (FC Porto).

- Avançados: Bruma (Galatasaray, Tur), Daniel Podence (Sporting), Diogo Jota (FC Porto), Gonçalo Guedes (Paris Saint-Germain, Fra), Gonçalo Paciência (Rio Ave), Iuri Medeiros (Boavista) e Ricardo Horta (Sporting de Braga).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.