A futebolista Dolores Silva defendeu a utilidade de a seleção de Portugal defrontar adversárias “exigentes” como a Itália, na quarta-feira, no Estádio do Algarve, para melhor preparar a fase de apuramento para o Europeu2021.

“A seleção precisa de desafios de grande exigência para preparar a qualificação que vai ter em abril. Queremos ganhar, mas sobretudo aprender e evoluir com elas”, explicou a internacional lusa, referindo-se aos embates com a Finlândia e a Escócia, em 10 e 14 de abril.

Em declarações ao site da federação, a atleta do Sporting de Braga falava do encontro inaugural da Algarve Cup 2020, na qual as pupilas de Francisco Neto vão afinar dinâmicas para disputar o grupo E de apuramento, que inclui ainda as seleções da Albânia e do Chipre.

“Vai ser um jogo intenso e bastante difícil. A Itália é uma seleção que tem evoluído. A entrada na Série A feminina dos clubes grandes como AC Milan, Juventus e Roma aumentou a qualidade, bem como o interesse dos adeptos. A sua qualificação para o Mundial de França, após muitos anos de ausência, e a categoria individual e coletiva demonstradas também prova que cresceram”, justificou.

Dólares entende que “defrontando as melhores, Portugal consegue detetar mais facilmente as suas fragilidades e isso ajuda a melhorar”.

No desafio com as transalpinas, vai reencontrar Elena Linari, com quem foi campeã de Espanha na época passada ao serviço do Atlético de Madrid e com quem partilhou casa na capital espanhola.

“Eu e a Elena sempre fomos muito próximas, tanto em campo como fora dele. Era minha colega de casa, convivíamos diariamente em casa e no clube. Construímos, por isso, uma sólida relação de amizade. São laços que não são abalados pelos jogos que fizermos uma contra a outra. Vai ser giro revê-la como adversária”, assumiu, depois de já a ter defrontado na qualificação para o mundial.

A atleta elogiou ainda o “muito entusiasmo” que encontrou na seleção lusa, bem como a qualidade das jovens Andrie Jacinto e Francisca Nazareth, ambas de apenas 17 anos, e que se estreiam na equipa principal.

Em caso de vitória, Portugal vai defrontar a Nova Zelândia ou Bélgica nas meias-finais.

Na terça-feira, o selecionador Francisco Neto faz a antevisão do jogo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.