O campeonato de futebol da Guiné-Bissau vai passar a ser disputado por 16 clubes a partir da próxima época, disse hoje à Lusa o vice-presidente da federação para a organização de provas, Bonifácio Sanha.

A medida foi tomada no congresso ordinário da federação, realizado no fim de semana passado, em Bissau, com 37 votos a favor e dois contra. Atualmente, o campeonato do escalão principal é disputado por 14 clubes.

Segundo Bonifácio Sanha, o congresso decidiu subir à primeira divisão os vencedores das quatro séries do campeonato da segunda divisão e, em sentido contrário, descem os dois últimos clubes da primeira divisão.

Na próxima época, a primeira divisão contará com 16 clubes e a segunda divisão com 22, precisou Sanha.

Já confirmaram a subida à primeira divisão do campeonato de futebol guineense FC Cupelão, FC Cacine e Arados de Nhacra. Falta determinar a última equipa promovida, entre FC Binar e Tigres de Fronteira de São Domingos.

O vice-presidente da federação para a organização de provas acredita que as alterações no número de clubes poderão ajudar a “dar outra competitividade ao campeonato” e desta forma “melhorar o futebol guineense”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.