O Governo do Canadá apoia “em princípio” a candidatura conjunta das Federações do seu país, do Estados Unidos e do México para a organização do Mundial2026 de futebol, afirmou na terça-feira a Ministra dos Desportos Kirsty Duncan.

Os três países do continente norte-americano são, juntamente com Marrocos, os únicos candidatos em compita pela organização do Mundial2026, o primeiro a ser disputado com a participação de 48 seleções, quando o modelo atual, que vigorará nos Mundiais de 2018 e 2022, comporta apenas 32.

O Ministro dos Desportos anunciou que o seu Governo “apoia a candidatura em princípio”, mas quer “estudar mais detalhadamente o impacto nas finanças públicas” por assumir esta organização.

Nesse sentido, Kirsty Duncan revelou que o seu Governo irá disponibilizar 5 milhões de dólares (3,1 milhões de euros) para apoiar a elaboração de planos e orçamentos que permitirão tomar decisões informadas quanto ao financiamento do torneio.

O país anfitrião deve ser designado no dia 13 de junho, no início do Mundial da Rússia, e pela primeira vez sê-lo-á por todas as 211 federações que compõem a FIFA e não por um conselho restrito.

No final de dezembro, Gianni Infantino, presidente da FIFA, considerou que essa candidatura conjunta era uma “mensagem positiva” e que a organização a que preside “não tem direito de impor encargos pesados a um único país se um evento puder ser organizado por mais do que um”.

O Canadá organizou o Mundial de futebol feminino em 2015.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.