O advogado de Diego Armando Maradona, confirmou, esta quinta-feira, a saída do argentino do comando técnico do Dorados de Sinaloa.

Numa curta nota deixada nas redes sociais, Matías Morla explicou que a saída se deve a problemas de saúde por parte do antigo internacional argentino.

"Diego Maradona decidiu não continuar no comando técnico do Dorados. Por aconselhamento médico, vai dedicar tempo à sua saúde e vai ser submetido a duas operações: a um ombro e a um joelho", explicou

Maradona tinha assumido o comando técnico do Dorados em setembro de 2018.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.