Pedro Martins, treinador do Olympiacos, concedeu uma entrevista ao jornal russo 'Sport Express' onde falou de como ele e o clube grego vão vivendo a pandemia do novo coronavírus.

Um problema com o qual a formação grega se deparou bem cedo, tendo o seu presidente, Evangelos Marinakis, sido um dos primeiros casos positivos ligados ao mundo do futebol. "Foi depois do nosso jogo com o Arsenal, para a Liga Europa", recordou o técnico português. "Ele estava em Inglaterra e não teve qualquer contacto com a equipa, mas ainda assim fizemos os exames necessários e, neste momento, ninguém tem sintomas", salientou Pedro Martins.

O Olympiakos, contudo, encontra-se sem treinar, em isolamento social, e o treinador mostra-se preocupado com o que irá suceder quando for altura de regressar. "A Liga foi suspensa e os treinos cancelados. Muitos jogadores sentem-se sozinhos, sobretudo os estrangeiros. Não sei quando voltaremos ao normal, mas não podem querer que joguemos imediatamente, no dia a seguir a tudo terminar. Vai ser necessário retomar um ciclo de treinos normal, sob pena de os jogadores se lesionem", frisou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.