O extremo Estevão Job, que na temporada passada representou o Petro de Luanda no Girabola, está livre, depois de terminar o seu vínculo com os "petrolíferos" em 2015, mas realça que pretende terminar carreira no "eixo-viário".

Em declarações à Angop, o jogador informou que está em curso a renovação do contrato e que nos próximos dias poderá estar concretizada. No entanto, salienta que no futebol há muitas surpresas.

O jogador de 28 anos de idade explicou que deverá assinar um contrato por mais dois ou três anos, dependendo de vontade de ambas as partes, e que posteriormente poderá voltar a renovar e quiçá terminar a carreira no clube.

"Neste momento o meu contrato com o Petro terminou, mas não estou preocupado porque a qualquer momento vou renovar. Estou livre, mas o clube é a minha prioridade, aí formei uma família e escrevi o meu nome. No desporto parecemos mercenários, mas nem sempre o dinheiro é o mais importante, temos que ter noção daquilo que já fizeram por nós", acrescentou.

O atleta, formado no Atlético Sport Aviação (ASA), está na equipa do Eixo-Viário desde 2008.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.