Louis Van Gaal colocou um ponto final na carreira de treinador. O holandês decidiu não treinar mais nenhuma equipa, para, assim, dedicar mais tempo à família.

"Deixo o futebol. A minha mulher deixou de trabalhar há 22 anos para me poder acompanhar nos trabalhos no estrangeiro. Disse-lhe que me retirava aos 55 anos e já vou nos 65. Não posso continuar e continuar...", explicou o técnico, em declaraçõeos à 'VTNL'.

O holandês sublinhou que é tempo de passar mais tempo com a mulher.

"Tal como os jogadores, também a minha mulher tem direito a uma vida comigo. E posso dizer que está muito contente", terminou.

O Manchester United foi o último emblema orientado por Van Gaal. Ao longo da sua longa carreira, iniciada em 1987 (era adjunto no AZ Alkmaar), orientou o Ajax (seis épocas), Barcelona (quatro épocas em duas ocasiões), AZ Alkmaar (quatro temporadas), Bayern Munique (duas temporadas) e a Seleção da Holanda, por duas vezes.

Entre os principais títulos, conquistou uma Liga dos Campeões, uma Taça UEFA, uma Supertaça Europeia, uma Taça Intercontinental, duas Ligas Espanholas, quatro Ligas da Holanda, uma Liga Alemã.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.