O FC Barcelona concedeu hoje o golo do empate do Cádiz (1-1) aos 89 minutos, em jogo da 24.ª jornada, e desaproveitou o desaire do líder da Liga espanhola de futebol, Atlético de Madrid.

Tal como sucedeu na terça-feira, na goleada sofrida diante do Paris Saint-Germain (4-1), na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, Lionel Messi adiantou os catalães de grande penalidade, aos 32 minutos, na sequência de uma falta sobre Pedri.

O argentino marcou pelo sexto jogo seguido na Liga espanhola e anotou o 16.º tento na prova, dividindo agora o topo da lista dos melhores marcadores com o uruguaio Luis Suárez, do Atlético de Madrid.

Contudo, quando tudo apontava para o triunfo do ‘Barça’, o central Lenglet cometeu uma falta sobre Rubén Sobrino dentro da área dos catalães, permitindo que Aleix Fernández repusesse a igualdade para o Cádiz, aos 89 minutos, numa altura em que o internacional português Francisco Trincão já tinha sido lançado por Ronald Koeman.

O FC Barcelona, que vinha de sete vitórias seguidas no campeonato, mantém-se no terceiro lugar, com 47 pontos, mas falhou uma aproximação mais incisiva ao líder Atlético de Madrid, que no sábado perdeu em casa com o Levante (2-0) e soma 55.

Por outro lado, os ‘blaugrana’ deixaram que o Real Madrid consolidasse o segundo lugar, com 52 pontos, embora com mais um jogo. Os ‘merengues’ venceram, no sábado, em Valladolid, por 1-0.

Já o Cádiz, que vinha de quatro derrotas consecutivas, está no 14.º posto, com 25 pontos, sendo que na primeira volta da La Liga já tinha ‘roubado’ pontos ao FC Barcelona, na altura vencendo em casa os catalães, por 2-1.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.