Formado no Barcelona, Gerard Deulofeu chegou a ser uma das grandes promessas a sair de La Masia, a academia de formação do clube catalão, na última década, mas o agora jogador do Watford disse, em entrevista à 'Radio Catalunya', não ter "qualquer pena" na situação que se vive atualmente no Barça.

"A verdade é que esta situação do Barcelona não me dá qualquer pena. Para mim, é-me igual. No Barcelona eles não têm paciência com a academia há vários anos. Se dermos tempo aos jovens, eles aprendem o estilo do plantel principal. Agora haverá mudanças, mas eles estão atrasados muitos anos", apontou.

Deulofeu está igualmente em boa posição para falar do novo treinador do Barcelona, Ronaldo Koeman, com que trabalhou no Everton. E também aí a opinião do extremo-esquerdo de 26 anos não foi a mais positiva, quando questionado sobre o técnico holandês. "Posso falar sobre Koeman por experiência própria. Na verdade, tenho muito pouco a dizer sobre ele. Não me acrescentou absolutamente nada no Everton. Não fui feliz, pedi para sair e fui para Milão", recordou.

Gerard Deulofeu somou dois golos em 23 jogos pela equipa principal do Barça, em duas passagens pelo clube.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.