A Real Federação espanhola de futebol abriu esta quarta-feira um inquérito a Cristiano Ronaldo e Sergio Ramos, na sequência das declarações dos dois jogadores após o Real Madrid-Barcelona.

De acordo com a imprensa espanhola, o inquérito foi aberto na sequência da queixa do Comité técnico de árbitros e se forem encontrados indícios de infração, os dois jogadores devem ser apenas multados. O regulamento prevê suspensão por declarações acerca da arbitragem, mas tal nunca sucedeu e não deverá acontecer neste caso.

No final do jogo com o Barcelona, Ramos pediu que o árbitro do jogo não voltasse a apitar e Ronaldo acusou a arbitragem espanhola de não querer deixar o Barça de fora da luta pelo título. 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto