Milito começou por contrair uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito num jogo com o Manchester United disputado a 29 de Abril de 2008 e, desde esse dia, jamais voltou a treinar ou jogar futebol.

Em Maio de 2008 o defesa do Barcelona foi operado aos dois joelhos e, em Junho deste ano, voltou a sujeitar-se a um artroscopia ao joelho direito.

O jogador, que tem feito a recuperação entre Espanha e Argentina, foi acompanhado ao longo deste longo período pelos médicos do Barcelona e da selecção argentina e também por Ramón Cugat, especialista e cirurgião responsável pelas intervenções aos joelhos de Milito.

As recaídas têm sido o principal problema do jogador, cuja contratação falhada pelo Real Madrid em Julho de 2003 animou então os debates na imprensa espanhola.

De acordo com fontes próximas do jogador, este chegou a admitir abandonar a carreira de futebolista profissional durante o longo período de recuperação.

O anúncio da alta do jogador foi conhecido através de um comunicado de uma linha emitido hoje pelo Barcelona e Milito fez saber que só falará à imprensa depois de iniciar os treinos.

Gabriel Milito é irmão de Diego Milito, avançado dos italianos do Inter de Milão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.