O surpreendente Girona recebe o Athletic Bilbao na segunda-feira, no encerramento da 14.ª jornada da La Liga. O emblema da Catalunha luta para defender a liderança, enquanto é perseguido por Real Madrid e Barcelona, segundo e terceiro colocados, respectivamente.

A equipa de Míchel lidera com dois pontos de vantagem sobre os merengues e quatro sobre os blaugrana.

"A equipa fez 13 jogos excelentes. A melhoria que podemos dar é continuar neste nível", disse Míchel após a última vitória por 2-1 no campeonato sobre o Rayo Vallecano, antes da pausa internacional.

A equipa catalã procurará os três pontos para se manter na liderança, enquanto o principal perseguidor, o Real Madrid, visita o Cádiz (16.º) no domingo.

- Real Madrid sem Vinícius Jr -

Os 'merengues', que perderam a liderança na 12.ª ronda após um tropeço diante do Rayo Vallecano (0-0), querem recuperar o primeiro lugar num jogo em que o técnico Carlo Ancelotti terá de pensar em como organizar a equipa sem Eduardo Camavinga e Vinícius.

Os dois jogadores voltaram lesionados dos jogos da data FIFA pelas suas seleções, juntando-se a Aurélien Tchouaméni no meio de campo, enquanto o inglês Jude Bellingham também é dúvida, com uma luxação no ombro.

O Real Madrid quer aproveitar o jogo contra uma equipa do Cádiz que luta para evitar a descida de divisão, para se manter na parte de cima da tabela.

O Barcelona também procura aproximar-se do Girona com a sua visita ao Rayo Vallecano (10.º), no sábado, ainda abalado pela grave lesão de Gavi, que rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito no último jogo da Espanha.

- "Melhorar muito" -

É uma perda significativa para o resto da temporada para o Barça, que poderá contar com Frenkie de Jong, recuperado de uma lesão, contra o Rayo.

Uma vitória em Vallecas não só manteria o Barça, ultimamente questionado pelo seu jogo, na luta pela liderança, mas também seria uma injeção de moral, antes de receber o FC Porto pela Liga dos Campeões, na terça-feira, num jogo onde quer garantir o apuramento para os oitavos de final da liga milionária.

"Temos que melhorar muito. Temos que ser mais organizados e não sofrer tantos golos. Estamos a perder muitas coisas neste início de temporada", disse o técnico Xavi Hernández, depois de vencer o Alavés por 2-1 na última ronda do campeonato.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.