José Mourinho, técnico do Real Madrid, orientou a equipa composta na sua maioria por jogadores africanos, mas pela qual também alinharam futebolistas de outras proveniências, como o antigo futebolista internacional luso Paulo Futre.

Do outro lado, houve igualmente representação portuguesa, a cargo do defesa central Zé Castro, numa equipa que chegou ao intervalo a ganhar por 2-0, com golos de Sergio Ramos (15 minutos, de grande penalidade) e Uche (38).

Na segunda parte, a equipa treinada por José Mourinho deu a volta ao resultado e impôs-se por 3-2, graças aos remates certeiros de Wakaso (59 minutos), Quini (72) e Bodipo (87).

O jogo disputado no Estádio Vicente Calderón, em Madrid, perante cerca de 35 000 espectadores, teve como objectivo a promoção da escolaridade em África, uma vez que as receitas revertem a favor dos programas de educação "Escolas para África" da UNICEF e "Cidade das Crianças" da Fundação Kanouté.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.