Nos últimos dias, muito se tem falado da mudança de postura de Cristiano Ronaldo em campo, mais solidário e menos individualista. Mais assistências e menos golos, o último dos quais foi frente ao Ajax, para a Liga dos Campeões a 27 de setembro, quase um mês. Mas para o seu técnico, CR7 nunca foi egoísta.

«Sempre disse que o Cristiano não é um jogador egoísta. Tem um ADN  que é seu e que não se pode mudar. Eu não o vou mudar», afirmou Mourinho esta sexta-feira.

Golos é, de facto, algo que não tem faltado ao Real Madrid, que nos últimos três jogos, entre liga e Liga dos Campeões apontou 12 tentos, algo que Mourinho não espera que suceda consecutivamente.

«A equipa tem feito bons golos em grandes movimentos coletivos, mas não espero marcar sempre quatro golos», frisou.

O Real Madrid, terceiro classificado da Liga espanhola, joga este sábado no terreno do Málaga, onde atua o português Eliseu, pelas 20h00 em jogo da oitava jornada.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.