A imprensa espanhola já o classifica como "o futebolista invisível" do Barcelona. Contratado ao Palmeiras em janeiro de 2020, por sete milhões de euros, Matheus Fernandes acabou por ser emprestado ao Valladolid, onde disputou apenas três jogos.

Terminado o período de empréstimo, o médio regressou aos catalães, que não conseguiram encontrar colocação para Matheus Fernandes durante o mercado de verão, pelo que o brasileiro acabou por ficar em Camp Nou.

Matheus Fernandes nunca chegou a ser apresentado oficialmente como jogador do Barcelona e ainda não somou qualquer minuto com a camisola 'blaugrana' - nem sequer integrou as convocatórias de Ronald Koeman. Tudo isto faz de Matheus Fernandes uma espécie de 'fantasma' em Camp Nou.

O jornal 'El País' recorda que os responsáveis pela contratação do futebolista, de 22 anos, são os mesmos que levaram Yerry Mina para o Barcelona: Alexandre Mattos, ex-diretor do Palmeiras, e André Cury, ex-assessor dos catalães.

Em entrevista à Fox Sports, em abril, Mattos explicou como Matheus Fernandes deu o salto das reservas no Palmeiras para a equipa principal do Barcelona.

"No final de outubro [de 2019] liguei para o André Cury e falei para ele trazer o Abidal [ex-secretário-técnico do Barcelona] ao Brasil, pois queria mostrar-lhe um jogador. O Abidal viajou até ao Brasil para ver um treino da equipa de reservas do Barcelona. Disse-lhe: 'vê o número 35'. Na altura disseram que eu era doido. 'Queres vender um jogador das reservas do Palmeiras, que pouco jogou, ao Barcelona?' Se não jogou, isso era critério do treinador, é assim mesmo", contou o ex-dirigente palmeirense.

Foi assim que um futebolista com poucos jogos a titular no Palmeiras (seis) e no Valladolid acabou por rumar a um gigante europeu como o Barcelona. Koeman chegou a dizer o seguinte quando questionado sobre Matheus Fernandes: “Ele é mais um e terá minutos se mostrar que os merece”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.