O presidente do Barcelona terá recusado um convite da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para ver os jogos particulares da “canarinha” frente a Itália (21 de março) e Rússia (25 de março), segundo o jornal espanhol “Mundo Deportivo”.

Este periódico explica que Sandro Rosell considera que a sua ida a estes encontros resultaria num impacto mediático nocivo para o clube, para além da especulação que se geraria em torno da ligação de Barcelona a Neymar.

O jornal “Mundo Deportivo” refere que as negociações entre Barcelona e o Santos decorrem e decorrerão, mas longe do espaço mediático.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.