"Procura-se Fábio Coentrão". Esta é uma situação para a qual o jornal espanhol "AS" procura uma resposta, mas ninguém a sabe dar. A última vez que o jogador de 30 anos esteve em campo foi na derrota do Sporting frente ao Desportivo das Aves na final da Taça de Portugal, o último jogo que fez com a camisola dos 'leões'. Até das redes sociais desapareceu.

O jogador tem contrato com o Real Madrid até ao final da presente temporada e o desportivo madrileno revela que algumas fontes indicam que Coentrão está em La Finca (luxuoso bairro espanhol onde vivem algumas das estrelas dos merengues) a trabalhar com um treinador pessoal. No entanto, ninguém tem visto o internacional português.

O defesa-esquerdo não se apresentou em Valdebebas, centro de treinos do Real Madrid, depois das férias de verão, mas também não era esperado por Julen Lopetegui. Em Portugal também ninguém tem notícias do português.

Fábio Coentrão custou 55 milhões de euros aos cofres do Real Madrid: 30 da contratação e 25 em salário. Teve 18 lesões e jogou pouco no Santiago Bernabéu, acabando por ser emprestado ao Mónaco, em 2015/16, e ao Sporting na última época.

O jornal recorda ainda os problemas disciplinares, até com Mourinho, assim como os seus hábitos tabágicos. A publicação escreve também que em 2014/15 Coentrão 'especializou-se' com Khedira a faltar aos treinos.

O 'AS' relembra também que a última publicação de Fábio Coentrão nas redes sociais aconteceu há 62 dias, a 21 de junho, quando confirmou a saída do Sporting.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.