Os madrilenos resolveram o jogo logo na primeira parte, com golos de Sérgio Ramos, aos cinco minutos, e do brasileiro Káka, aos 29.

No segundo tempo, o argentino Higuaín fez o 12.º golo da sua conta pessoal na Liga e estabeleceu o resultado final, aos 90 minutos.

O Real, segundo classificado, passa a somar 50 pontos, menos cinco que o líder FC Barcelona, que, em inferioridade numérica desde os 24 minutos, por expulsão de Piqué, recebeu e venceu também hoje o Getafe por 2-1.

O argentino Lionel Messi fez, logo aos seis minutos, o primeiro golo do FC Barcelona e passou assim a somar 16 na Liga, assumindo-se como o rei dos goleadores.

O melhor jogador do Mundo para a FIFA apresentou-se ao mais alto nível e, aos 66 minutos, em contra-ataque, serviu Xavi Hernández para o golo do sossego.

A jogar com mais um elemento, o Getafe foi sempre uma equipa apática e apenas consegui reduzir aos 93 minutos, na transformação de uma grande penalidade por Soldado, que ditou a expulsão do mexicano Rafael Marquez.

O Valência, terceiro classificado, recebeu o Valladolid e venceu por 2-0, com golos do argentino Banega e de David Villa (15 na Liga), aos sete e 28 minutos, respectivamente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.