O modesto Alcórcon inverteu os papéis no desafio com o Real Madrid, a contar para a Taça do Rei, e acabou por conseguir uma incrível goleada aos merengues.

O técnico Manuel Pellegrini não pôde utilizar Ronaldo, Pepe e Sergio Ramos, mas apresentou uma equipa onde pontificavam os nomes 'galácticos' de Raul, Guti, Benzema, Albiol ou Van der Vaart.

Por outro lado, o desconhecido Alcórcon, suportado por uma postura humilde e uma grande atitude, beneficiou da inspiração de Borja, autor de dois golos e de Ernesto. A goleada teve ainda a marca de Aberloa que, com um momento de infelicidade, fez auto-golo.

O Real Madrid prossegue assim a sua fase mais negativa da época, que coincide com a saída de Cristiano Ronaldo da equipa. Sem o português, que se lesionou ao serviço da selecção nacional no jogo com a Hungria, os merengues ainda não conseguiram vencer.

Em destaque esteve também o At. Madrid, de Quique Flores. O ex-técnico do Benfica conseguiu estrear-se pelos colchoneros com um triunfo por 2-0 sobre o Marbella, fruto de um autogolo de Troyano e um golo de Maxi Rodriguez, num encontro em que Simão jogou apenas os derradeiros 30 minutos.

Outros resultados:

Atletico Ciudad 2-4 Sevilha
Recreativo 1-1 Sporting Gijon

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.