O Valência deixou hoje escapar o triunfo na receção ao Levante, para a 28.ª jornada da Liga espanhola de futebol, numa partida em que o golo do empate a 1-1 surgiu de penálti por Gonzalo Melero, aos 90+8 minutos.

Com os portugueses Gonçalo Guedes a titular e Thierry Correia no banco, o Valência chegou à vantagem no primeiro jogo após a retoma da Liga, após um interregno de três meses devido à covid-19, com um golo do ex-benfiquista Rodrigo (1-0), aos 89 minutos.

A conquista dos três pontos, que permitia ‘encostar’ ao Atlético de Madrid, no sexto lugar, escapou ao Valência no oitavo minuto dos descontos, quando o Levante, através da conversão de uma grande penalidade por Gonzalo Melero, empatou a 1-1.

O Levante, com o português Rúben Vezo a titular e Hernâni no banco, ficou aos 74 minutos reduzido a 10 unidades por expulsão de Roger Marti, por acumulação de amarelos, mas nunca abdicou de tentar pontuar no estádio Mestalla.

O Valência segue na sétima posição, com 43 pontos, a 15 do líder FC Barcelona, enquanto o Levante é 12.º, com 34, mas ambas as equipas somam mais um jogo do que os adversários mais diretos.

No estádio Nuevo Los Cármenes, o Granada venceu por 2-1 o Getafe, que chegou à vantagem por David Timor, aos 20 minutos, ao concretizar a reviravolta com um autogolo do togolês Djené Dakonam, aos 70, e um golo de Carlos Fernández, aos 79.

Com os portugueses Rui Silva e Domingos Duarte a titulares, Gil Dias entrou na partida aos 70 minutos e Andorinha não saiu do banco, o Granada somou o quinto jogo consecutivo sem perder e ascendeu ao oitavo lugar, com 41 pontos.

O Getafe, com Antunes no banco, continua a perder fulgor na liga espanhola, em que venceu apenas um dos últimos cinco jogos, e manteve o quinto lugar, com 46 pontos, em igualdade pontual, embora com mais um jogo, com a Real Sociedad.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.